jusbrasil.com.br
28 de Junho de 2017

Barbosa critica foro privilegiado a políticos e excesso de recursos

Em discurso a estrangeiros, presidente do STF diz que Justiça brasileira pune mais pessoas 'pobres, negros e sem relações políticas'

Estadão
Publicado por Estadão
há 4 anos

San José (Costa Rica) - O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, disse nesta sexta-feira, 3, que a Justiça brasileira pune majoritariamente pessoas pobres, negras e sem relações políticas. No discurso que fez em congresso sobre liberdade de imprensa, na Costa Rica, Barbosa criticou a quantidade de recursos possíveis contra condenações judiciais, atacou o foro privilegiado e a relação entre juízes e advogados no Brasil.

"Brasil é um País que pune muito pessoas pobres, pessoas negras e pessoas sem conexões", disse. "Pessoas são tratadas diferentemente pelo status, pela cor da pelé, pelo dinheiro que tem", acrescentou. "Tudo isso tem um papel e...

Ver notícia na íntegra em Estadão

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)